Compre ou alugue pelo nosso WhatsApp:
TODOS
PARA ALUGAR
PARA COMPRAR

Áreas Classificadas

Áreas classificadas: O que são e quais cuidados devem ser tomados

Você já ouviu falar do termo áreas classificadas? Este termo tornou-se bastante popular no segmento da construção civil e designa-se em locais nos quais apresenta o risco de explosão em condições normais ou anormais de uso e são caracterizados pela presença de gases ou poeiras combustíveis, ou seja, que podem entrar em combustão com o máximo de facilidade e ocasionar no incêndio.

Antes de abordarmos mais sobre este assunto de áreas classificadas é necessário conhecer sobre o tripé para ocasionar uma explosão. Primeiramente, é necessário uma substância inflamável, que será a responsável por espalhar o calor no espaço fechado e, com isso, explodir.

O oxigênio também é outro fator, já que o fogo se alimenta do O² e o transforma em CO². Por fim, a fonte de ignição, que pode ser uma faísca, por exemplo, e fará com que a energia seja dissipada, ou seja, explodirá tudo.

Agora que você compreende os passos para que haja a explosão é necessário que ocorra a separação das partículas de poeira ou o gás sempre presente no ambiente de produção em zonas de periculosidade, a fim de que ocorra o máximo de segurança e evite problemas. A atmosfera explosiva, ocasionada pela presença de partículas de poeira ou gás é um dos principais motivos para a criação de áreas classificadas, pois se evita que ocorra explosões em cadeia.

Outro ponto que deve ser levado em consideração diz respeito aos tipos de materiais que estarão presentes no local, que devem ser a prova de explosões e isso inclui, principalmente a uma simples lâmpada para iluminar o espaço.

Conheça as normas e como escolher as áreas classificadas

É importante salientar que existem normas específicas com relação às áreas classificadas e os cuidados que devem ser feitos com elas. A norma que traz as informações necessárias a cerca do assunto é a NBR IEC 60079-0 da Associação Brasileira de Normas e Técnicas.

Neste documento, é possível encontrar todas as regulamentações e cuidados necessários a fim de estabelecer o máximo de segurança e cuidado no desenvolvimento das áreas classificadas e, embora não seja considerada uma lei, tem o desenvolvimento obrigatório, com a finalidade de manter seguros de todos os envolvidos durante a execução do trabalho, com inclusive, punições para o não cumprimento destes regulamentos.

Outra medida importante e que auxilia no desenvolvimento de áreas classificadas seguras é a NR-10, criada em 2004 e que tem a principal função apresentar as obrigações referentes ao desenvolvimento de equipamentos de segurança, principalmente os que trabalham com eletricidade.

Agora que você conhece as normas referentes às áreas classificadas é importante saber como é feita a classificação destes espaços, a fim de realizar todas as medidas possíveis para evitar acidentes de trabalho.

Primeiramente, a forma como são classificadas as áreas é feita por meio do tamanho do risco presente no ambiente, tais como os gases, vapores, poeiras ou fibras explosivas. No Brasil, é adotada a norma ABNT, no qual são utilizados códigos com a finalidade de enumerar os casos com menor ou maior potencial de atmosfera explosiva.

Em segundo lugar, outro ponto importante que deve ser levado em consideração das áreas classificadas diz respeito às classes de temperatura que os equipamentos que estarão instalados e também os materiais presentes nas áreas classificadas estarão expostos. Com isso, é necessário ficar atento às classes de temperatura, que vão da T1 até T6, sendo o primeiro até 450° e o último até 85°.

Como escolher a proteção adequada para as áreas classificadas

Com estes cuidados a cima que está listada, a instalação dos equipamentos elétricos nas áreas classificadas deve levar em consideração o tipo de proteção do item em si. Existe um índice de proteção específico, a fim de analisar quais os tipos de invólucros necessários para cada ocasião.

Existem muitas possibilidades de áreas classificadas com atmosferas explosivas distintas e depende muito do caso o equipamento elétrico que será adotado. Por conta disso, é necessário que seja feita a adequação das áreas classificadas com o máximo de cuidado, para que haja a eliminação dos riscos de incêndio ou explosões nestes espaços.

Por conta disso, é muito importante conversar com o consultor no qual está adquirindo o equipamento se ele possui classificação EX (atmosfera explosiva), para indicar em qual tipo de área classificada este item está apto para ser instalado.

Com estes passos, é de extrema importância que o desenvolvimento e instalação dos equipamentos elétricos nas áreas classificadas sejam feitos por meio de profissionais especializados em segurança do trabalho e que, além de seguir todas as recomendações dos órgãos vigentes, adotem os materiais com o máximo de qualidade e produzidos por empresas que sejam referência no segmento, como é o caso da R3 EPI, empresa líder no segmento de produtos para segurança do trabalho.

Para saber mais, entre em contato com os nossos consultores, que estão à disposição para auxiliá-lo para o desenvolvimento das áreas classificadas com materiais excelentes para cada necessidade e que garantam o máximo de segurança para você e os seus colaboradores.

NBR IEC 60079-0 – ( https://www.abntcatalogo.com.br/norma.aspx?ID=356259)
NR-10 – (https://www.gov.br/trabalho/pt-br)

Open chat