Compre ou alugue pelo nosso WhatsApp:
TODOS
PARA ALUGAR
PARA COMPRAR

Talabarte

Talabarte</strong) da R3 epi são produzidos com matéria prima de alta qualidade para se obter maior segurança e conforto para seus profissionais da área. A R3 Epi trabalha com Talabarte em Y , Talabarte de couro e Talabarte de corda.
Confira abaixo os modelos de Talabartes disponibilizados pela R3epi e solicite seu orçamento online:

talabarte em y

Talabarte em Y

Talabarte em Y não é preciso se esforçar muito para perceber que o trabalho em altura ...

SKU: R3013764

A consultar

Equipamento Epi Talabarte em Fita

Equipamento Epi Talabarte em Fita confeccionado em fita de poliéster; 01 gancho olhal du...

SKU: R3013093

A consultar

Travessão Vulcanizado

Travessão Vulcanizado, confeccionado em tecido de nylon trançado e revestido em neoprene...

SKU: R3011929

A consultar

Material de Segurança Epis Talabartes de Nylon

Material de Segurança Epis Talabartes de Nylon, confeccionado em corda torcida de nylon 1...

SKU: R3011922

A consultar

Talabartes de Nylon com Gancho de 18 mm

Talabartes de Nylon com Gancho de 18 mm, confeccionado em corda torcida de nylon 12 mm, co...

SKU: R3011923

A consultar

Talabartes de Nylon com Gancho

Talabartes de Nylon com Gancho Umbilical de 55 mm, confeccionado em corda torcida de nylon...

SKU: R3011924

A consultar

Talabartes em Y com Alma de Aço

Talabartes em Y com Alma de Aço, Confeccionado em corda de poliamida com 03 capas e alma...

SKU: R3011925

A consultar

Talabarte de Posicionamento Ajustável

Talabarte de Posicionamento Ajustável para ser utilizado com o cinto de segurança abdomi...

SKU: R3012059

A consultar

Talabartes em Y com Absorvedor de Impacto

Talabartes em Y com Absorvedor de Impacto, confeccionado em corda de poliamida com 3 capas...

SKU: R3011926

A consultar

1 2 3 5

TALABARTE: UMA IMPORTANTE FERRAMENTA DE LIGAÇÃO!

É considerado como trabalho em altura todo aquele trabalho em que o trabalhador deve exercer suas funções a mais de 2 metros do solo. Assim, o trabalho em altura possui uma natureza intrinsicamente perigosa. 

Cada acidente nesse tipo de função representa um grande risco à integridade física dos trabalhadores envolvidos e, por esse motivo, o indivíduo que realiza trabalho em altura deve ser amparado por equipamentos de proteção individuais. 

Não basta que os equipamentos de proteção individuais sejam fornecidos e estejam à disposição do trabalhador. Os EPIs precisam ser utilizados da forma correta, ou a segurança do colaborador ainda estará em risco. 

 

talabarte

 

É por isso que o empregador deve, além de fornecer os materiais corretos para proteção dos trabalhadores, proporcionar especialização e treinamento específicos para os equipamentos selecionados. 

No mercado atual, existem diversos tipos de equipamentos que, muitas vezes, devem ser utilizados em conjunto. Hoje, abordaremos um pouco mais sobre um deles e suas especificidades: o talabarte. 

 

QUAL A FUNÇÃO DO TALABARTE NO TRABALHO EM ALTURA? 

Muito confundido com o trava quedas, o talabarte é um equipamento que deve permanecer conectado ao corpo do trabalhador. Isto porque, o talabarte tem o poder de impedir que o indivíduo a quem está acoplado sofra uma queda.

O talabarte faz parte de um microssistema de proteção individual, formado pelo cinto de segurança paraquedista, pelo ponto de ancoragem e por um instrumento de ligação.

Assim, trata-se o talabarte de um equipamento que promove a conexão entre o cinto de segurança paraquedista e o ponto de ancoragem que manterá o trabalhador seguro, desde que siga algumas regras expostas na Norma Regulamentadora 35:

  • Tanto o talabarte quanto o trava quedas devem permanecer acima de ponto do ponto em que se conectam com o cinto de segurança paraquedista do trabalhador;
  • Além disso, o talabarte e o trava quedas devem ser fixados e ajustados de forma que não atinjam sua máxima capacidade de distensão. A altura da queda deve ser limitada, minimizando assim o risco de colisão entre o corpo do trabalhador e a estrutura.

É importante frisar que nem o talabarte e nem o trava quedas são considerados como equipamentos de proteção individual. Isto porque, para ser considerado EPI é necessário que seja emitido um certificado de aprovação pelo MTE. 

 

talabarte-2

 

Assim, os equipamentos podem ser utilizados, mas devem ser comprados em conjunto com o cinto de segurança paraquedista. Tudo da mesma marca, de um só fabricante!

TALABARTE X TRAVA QUEDAS: IMPORTANTES DE MANEIRAS DIFERENTES

Inicialmente, é necessário que a gente diga que o talabarte e o trava quedas devem ser utilizados em momentos diferentes, já que possuem utilidades distintas, ok?

Podem até ter formatos parecidos, mas suas diferenças residem nas funções e no modo de uso de cada um. Começando pelo talabarte:

  • Garante a segurança do trabalhador em deslocamentos horizontais;
  • Constituídos de fibras, cordas e fitas, somados a um gancho de aço na ponta;
  • Não é automático, ou seja, não pode ser acionado sem interação humana;
  • É utilizado quando o local não possui linha de vida.

Já o trava quedas é um pouco diferente

  • Sua ativação é automática e a utilização ocorre quando o local possui linha de vida.
  • Constituído por cordas e cabos de aço, que passam por dentro do equipamento;
  • Serve, como o próprio nome diz, para efetivamente travar a queda do trabalhador, evitando que seu encontro com o solo ocorra.

 

talabarte-3

 

No momento do uso, o utilizador do equipamento deve se atentar para as especificidades de cada material. 

QUAIS OS TIPOS DE TALABARTE DISPONÍVEIS NO MERCADO?

Agora que você sabe exatamente para que serve o talabarte e qual a diferença entre ele e o trava quedas, precisa saber que estão disponíveis no mercado uma série de modelos e que cada um deles apresenta um grau de segurança e um tipo de movimento diferente.

Cada uma das espécies é projetada para atender a um tipo de exigência diferente no trabalho em altura. Por isso, é necessário que suas particularidades sejam conhecidas.

Esse tipo de talabarte é constituído por um ponto de ancoragem e é perfeito para utilização naqueles trabalhos com menor risco de execução. É indicado para os casos em que é preciso que o indivíduo se prenda de forma segura, como em trabalhos com plataformas, por exemplo.

Essa espécie de talabarte é formada por um ponto de ligação com o cinto de segurança paraquedista e dois pontos de ancoragem. Ou seja, é conectado ao trabalhador por uma ligação e ao ponto de ancoragem por duas. 

Também chamado de talabarte em Y, é perfeito para uso em andaimes! Além disso, em muitos casos, sua utilização é obrigatória, já que proporciona o deslocamento do indivíduo sem que ele perca a ancoragem.

Com o talabarte duplo, é possível que o trabalho seja realizado enquanto o indivíduo mantem a liberdade e a mobilidade!

Esse talabarte atua como um sistema de posicionamento e não como um equipamento de proteção propriamente dito. Por isso, é necessário que seja utilizado em conjunto com um dos outros anteriormente citados!

Agora que você sabe tudo sobre o talabarte e sua indispensabilidade, fique atento e não se descuide da proteção durante a execução do trabalho em altura! Até a próxima! 

 

Fale agora com um de nossos colaboradores!

Visite também outras de nossas categorias de Equipamentos de proteção e encontre aquele que se encaixe perfeitamente em sua campanha!

Open chat